A todos aqueles que reproduzem os textos postados aqui, por favor, quando publicarem em outros blogs ou sites favor mencionar o nome do autor, e se possível nos informar para que tenhamos conhecimento e fazer uma parceria. qualquer dúvida ou sugestão mande um e-mail para pcefabi@hotmail.com. Paulo Cezar de Lima
English French German Spain Italian Dutch Russian Hindi Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Pastor Anselmo Silvestre


Pastor Anselmo Silvestre
01/06/1916 ***** 30/09/2012



Anselmo Silvestre nasceu no dia 1 de junho de 1916 na cidade de Sabinópolis no estado de Minas Gerais, quando completou 13 anos de idade mudou se para a cidade de Belo Horizonte onde conheceu uma jovem chamada Bernarda, com quem se casou e teve oito filhos. Foi através da cura de sua esposa que Anselmo Silvestre aceitou a Jesus Cristo como Senhor em sua vida no mês de maio de 1939, passado algum tempo ele também adoeceu gravemente por causa de uma pneumonia dupla, porém Deus também o curou.

No mês de dezembro de 1939, com apenas 23 anos de idade Antonio Silvestre desceu as águas batismais, tendo já recebido o batismo com o Espírito santo. Um dia depois de batizado nas águas quando iria participar do seu primeiro culto de santa ceia, o missionário sueco Algot Syensson declarou a igreja: Precisamos de um bom porteiro, ele olhou para Anselmo silvestre e perguntou: O senhor, como se chama? Uma pessoa que estava perto adiantou: “Anselmo Silvestre, ele foi batizado ontem”. O missionário Algot Syensson prosseguiu:” O irmão aceita o cargo de porteiro? A partir daquele dia Anselmo Silvestre começou a atuar como obreiro no templo da Assembléia de Deus de Belo Horizonte.

No ano seguinte Anselmo Silvestre foi separado para trabalhar na igreja como diácono, este homem de Deus desenvolvia um excelente trabalho evangelístico no interior do estado designado pelo missionário Syensson, em 1945 foi consagrado a Evangelista e cinco anos depois ao ministério pastoral.  

Trabalhou arduamente ao lado do missionário Algot Syensson, auxiliando na construção do templo central da Assembléia de Deus da capital mineira inaugurado em 1956. desde que aceitou a Jesus Cristo como Senhor em sua vida aprendeu a ser um servo e sempre esteve ajudando o missionário Syensson nos trabalhos da igreja. Fazendo com que fosse eleito vice presidente da Assembléia de Deus de Belo Hozonte.

Em 1958 o missionário Syensson fez uma viagem com toda a sua família para a Suécia, mas acabou falecendo no dia 5 de junho de 1959 quando passava suas férias com seus familiares suecos. Quando a igreja soube do falecimento do missionário Syensson, os obreiros ali existentes elegeram por unanimidade o pastor Anselmo silvestre como pastor presidente.

Nesses quase 50 anos a frente da Assembléia de Deus, o Pastor Anselmo Silvestre priorizou a descentralização do trabalho, com a aquisição de imóveis tanto na Capital como no interior do Estado e a construção de templos para a realização de cultos. Muitas frentes de evangelização foram realizadas, com cruzadas evangelísticas, concentrações e outros eventos que difundiram o Evangelho, fazendo da Assembléia de Deus uma das maiores Igrejas no Estado.

Na área administrativa, o Pastor Anselmo Silvestre remodelou a Igreja, criando Departamentos e Comissões a fim de dar suporte ao desenvolvimento das atribuições eclesiásticas. Hoje, a Assembléia de Deus conta com 1655 templos em todo o Estado de Minas Gerais, onde abriga cerca de 80.000 membros e um Ministério de quase 3.000 Pastores, Evangelistas, Presbíteros e Diáconos que servem à causa do Evangelho.

Ocupou cinco vezes a vice presidência da convenção geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB), alem de outros cargos na mesa diretora, presidiu desde a sua fundação a COMADEMG – Convenção de Ministros das Assembléias de Deus no estado de Minas Gerais.  

Ao longo de seus anos de experiência e serviços a causa do Mestre, contribuiu com singular notoriedade para a formação doutrinária das Assembléias de Deus em todo o Brasil, bem como para sua expansão e vertiginoso crescimento alcançado mediante muito trabalho para o Senhor.

O Pastor Presidente Anselmo Silvestre foi um dos pioneiros das Assembléias de Deus no Brasil, e certamente, um dos nomes mais lembrados entre os precursores do maior movimento pentecostal do mundo. Viúvo desde 1986 era conhecido em todo o país pelo vigor extraordinário, pelo seu bom humor e por gostar de cantar, nas igrejas e convenções, o hino cujo refrão conclama a todos ao avivamento, declarando que “tem que começar pelo altar” e pelo aperto de mão. Que fazia obreiros dobrarem se dado a força que possuía nas mãos “apesar da idade”. Teve ainda o privilégio de conviver com a maioria dos pioneiros do Movimento Pentecostal no Brasil, inclusive com um dos fundadores da AD, missionário Daniel Berg.

Em dezembro de 2009 passou a presidência da igreja ao seu neto, Pastor Moisés Silvestre, permanecendo como presidente de honra do ministério e presidente da convenção Mineira.

Aos 96 anos de idade partiu para o Senhor o pastor Anselmo Silvestre, na noite de domingo, dia 30 de setembro de 2012, foram 73 anos dedicados ao ministério, dos quais 51 anos como pastor presidente da COMADEMG. Temos como exemplo esse homem de Deus que com seu exemplo de vida, nos deixou um legado de simplicidade e fidelidade ao Senhor, podemos dizer que ele foi e sempre será um patrimônio do movimento pentecostal no Brasil.   
Neste momento podemos dizer que o verso abaixo se cumpriu na vida do Pr. Anselmo Silvestre:
"Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé."


Texto editado por:
Paulo Cezar de Lima

Nenhum comentário:

Artigos mais Lidos

Caixa de promessas